Programa de Formação Continuada dos Professores e Pedagogos do Ensino Médio (PNEM) em São Domingos do Norte/ES: Foco na Cultura Docente

Nome: Leonice Barbosa
Tipo: Dissertação de mestrado acadêmico
Data de publicação: 17/03/2016
Orientador:

Nome Papelordem decrescente
Sandra Mara Santana Rocha Co-orientador
Paulo Sérgio da Silva Porto Orientador

Banca:

Nome Papelordem decrescente
Sandra Mara Santana Rocha Coorientador
Silvana Ventorim Examinador Externo
Ailton Pereira Morila Examinador Interno
Paulo Sérgio da Silva Porto Orientador
Marcia Helena Siervi Manso Suplente Interno

Resumo: Todo processo de formação de professores passa por relações culturais que se estabelecem no ambiente escolar. Dessa forma, identificar as culturas presentes e influenciadoras desses processos de formação pode ser determinante para o sucesso de qualquer iniciativa. Aqueles que se propõem a estudar as atuais práticas de formação de professores devem estar cientes de que tais práticas serão (ou não) bem sucedidas se estiverem consonantes com a cultura docente que impera naquele determinado espaço. É importante ainda considerar que, quanto mais essa cultura for de colaboração e cooperação, melhor sucedido será o programa; contudo, caso impere uma cultura de balcanização, o programa deve buscar romper com a segmentação em grupos, resguardando o perigo da colegialidade imposta. Esta dissertação discorre sobre os conceitos de cultura escolar, organizacional e docente/profissional do professor, bem como da balcanização, colegialidade e colaboração, através de levantamento bibliográfico, pautado em autores como Laraia (2001), Hargreaves (1998), Santos (2000), Rodriguez (2006) e outros. Em seguida, apresenta apontamentos acerca do Programa de Formação Continuada de Professores e Pedagogos do Ensino Médio (PNEM – Portaria 017–R), no Estado do Espírito Santo. A metodologia abarca a revisão de bibliografias, a pesquisa de campo, documental e grupo focal realizado no município de São Domingos do Norte-ES, com 24 professores cursistas e com a equipe gestora do programa (UFES), através da aplicação de questionários. Evidencia-se que, embora o programa apresente proposta moldada para incentivar a cultura da colaboração, ainda está preso à colegialidade artificial, com raízes na balcanização.

Acesso ao documento

Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Rodovia Governador Mário Covas, Km 60 - Bairro Litorâneo, São Mateus - ES | CEP 29932-540