O ENSINO D E CIÊNCIAS E A APRENDIZAGEM EM REDE:
TRAÇOS DO CONECTIVISMO N O BRASIL

Nome: ROSIANY AGUIAR COSWOSCK SOSSAI
Tipo: Dissertação de mestrado acadêmico
Data de publicação: 28/10/2020
Orientador:

Nomeordem decrescente Papel
Marcia Regina Santana Pereira Orientador

Banca:

Nomeordem decrescente Papel
Franklin Noel dos Santos Examinador Interno
Gustavo Viali Loyola Examinador Externo
Marcia Regina Santana Pereira Orientador

Resumo: Considerando a atual era digital, torna-se emergente a reflexão acerca da
sistematização da aprendizagem, sobre os princípios e processos teóricos nela
constantes, tendo em conta este fato, a presente pesquisa procura fazer uma
reflexão teórica sobre o Conectivismo no contexto das tecnologias conectadas à Sociedade em Rede e realizar um estudo exploratório, descritivo e documental das produções brasileiras sob essa nova perspectiva aplicada ao Ensino de Ciências da Natureza na Educação Básica. As questões levantadas foram: como as tecnologias da informação e comunicação se encaixam na concepção do Conectivismo? Há diferenças entre a sistematização da aprendizagem nas perspectivas das teorias postulada por behavioristas, cognitivistas e construtivistas e as baseadas no conectivismo? Que contribuições o conectivismo traz no âmbito do processo de ensino- aprendizagem de Ciências da Natureza? Seu objetivo geral foi realizar um
estudo bibliográfico das produções científicas sobre as contribuições do
Conectivismo no âmbito educacional do Ensino de Ciências da Natureza que se
dedicaram a esta perspectiva como metodologia de ensino efetivada em sala de aula. E os objetivos específicos: descrever como a comunicação e distribuição de informação foram constituindo-se a partir do surgimento da i nternet à era digital; comparar as teorias tradicionais de aprendizagem e a abordagem do Conectivismo quanto à necessidade de conhecimento na era digital; investigar um modelo Conectivista de aprendizagem em rede; e realizar um estudo exploratório descritivo e documental das produções brasileiras sob a perspectiva do conectivismo aplicadas ao ensino. A pesquisa utilizou-se da revisão bibliográfica, a partir dos escritos de Castells (1999, 2002), Siemens (2004, 2006), Downes (2005, 2008, 2011), Coelho et al (2014), Foresti e Teixeira (2012), Teixeira (2012), Mattar (2013), para a discussão do tema. Fez-se a análise da produção bibliográfica dedicada ao conectivismo no ensino de ciências na Educação Básica, de acordo
com critérios estabelecidos. Os estudos com base na aprendizagem conectivista estão em processo de evolução e há emergência de estratégias e métodos de ensino ajustados à n ova geração d a s ociedade d igital e v irtual.

Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Rodovia Governador Mário Covas, Km 60 - Bairro Litorâneo, São Mateus - ES | CEP 29932-540